Fátima Pinheiro

Biography

Fátima Pinheiro aprendeu Filosofia na Universidade Católica Portuguesa e por aí permaneceu mais seis anos como professora, e depois fora de Portugal, durante dez anos - cinco em Washington e quatro em Moscovo. Em Washington ficou marcada com a genialidade de Robert Sokolovski, que a iniciou nos caminhos da Fenomenologia, que considera um virar de página na História da Filosofia.

Na Rússia foi assistente do Instituto Camões, tendo lecionado nas Universidades Estatais de Moscovo e de S. Petersburgo. De regresso a Portugal ensinaram-lhe a genialidade da obra de Manoel de Oliveira, e não mais parou de “vê-lo”. Dedicou-se à escrita na blogoesfera, precisamente a 11 de Dezembro de 2012, dia do aniversário do realizador, reunindo neste livro as suas crónicas diárias no jornal expresso online, entre 2013 e 2014.

Tal como Hanna Arendt, afirma que não pretende influenciar quem quer que seja, e que o que a motiva é uma curiosidade, que a agarrou desde muita nova.

Diz sempre que tem três teses especiais e inacabadas – a Maria Margarida, o Francisco Xavier e a Maria Teresa – e um pai chamado Eduardo Lourenço, que conheceu “por acaso” e com quem “teve” três conversas, que estão já em forma de livro, prontas a publicar. Um pai que a ensina a viver diante de uma Presença, porque é assim que ele próprio vive.

Pelo caminho escreveu um livro em co-autoria com Maria do Rosário Lupi Bello no centenário do nascimento de Maria Ulrich. Tal como elas vê no Cristianismo o melhor que há. Embora todas as filosofias tenham razão, há umas que têm mais razão que outras; daí o ter escolhido o filósofo Maurice Blondel como tema para tese de Mestrado sobre as relações entre Fé e Razão.

Books

Rasante
Price: $3.75 USD. Words: 134,940. Language: Portuguese. Published: January 26, 2015 by Chiado Editora. Categories: Fiction » Alternative history
“Gosto da escrita de Fátima Pinheiro. Uma escrita directa, fluida, natural. Incisiva mas nunca agressiva. Um modo de escrever sem preconceitos que, com "luz e lata", e muitas vezes com humor, é capaz de tratar das coisas correntes da política as menos evidentes da filosofia.

Fátima Pinheiro's tag cloud

rasante